05/04/2017

Dataprom realiza 7º Seminário de Mobilidade Urbana em Florianópolis

Evento ocorrerá nos dias 10 e 11 de maio, no Jurerê Beache Village, e contará com a presença de profissionais técnicos e renomados para discutir soluções inteligentes na área de mobilidade urbana

A cidade de Florianópolis receberá nos próximos dias 10 e 11 de maio o 7º Simpósio de Mobilidade Urbana, evento organizado pela Dataprom para discutir soluções para os sistemas de trânsito, transporte, eficiência energética e segurança ferroviária. Durante o encontro, profissionais de secretarias de trânsito de diversos municípios e especialistas da área debaterão os principais desafios para o avanço da mobilidade urbana como pauta nas cidades brasileiras.

O 7º Seminário de Mobilidade Urbana da Dataprom conta com o apoio da Associação Nacional dos Transportes Públicos (ANTP), da Associação Latino-Americana de Sistemas Integrados para a Mobilidade Urbana Sustentável Mobilidade Urbana (SIMUS) e da Assessoria Mobilidade Urbana. As inscrições são limitadas e podem ser feitas por meio do email anele.trentin@dataprom.com ou do telefone (041) 3014-1242.

Debates

Quem participar poderá conferir de perto as ideias e soluções de profissionais renomados do mercado, engenheiros, técnicos e secretários e dirigentes do poder público. Todos terão como foco discutir ações e apresentar soluções inteligentes na área de mobilidade urbana.

Pelo poder público, participarão dos debates representantes das diretorias de trânsito de cidades como o Rio de Janeiro e São Paulo — municípios cujo trânsito era até pouco tempo atrás apenas sinônimo de “engarrafado” e agora começam a colher frutos com a aplicação de soluções inteligentes para o transporte coletivo e a mobilidade urbana em geral.

Responsável pela engenharia de tráfego da capital fluminense, a gerente de trânsito da CET-Rio, Catia Poyares, falará sobre o estágio atual do trânsito no município e também sobre o impacto da priorização semafórica ao BRT da cidade. O Rio conta com três corredores de BRT. O primeiro deles foi implantado há cinco anos e todos contam com o sistema de Prioridade Seletiva da Dataprom, ferramenta que ajuda a ser mais veloz o transporte de mais de meio milhão de pessoas transportadas diariamente esses sistemas.

Já para falar sobre São Paulo a convidada será Nancy Reis Schneider, superintendente de Planejamento e Projetos na CET da capital paulista. A cidade apostou na implantação das faixas exclusivas para aumentar a velocidade média operacional do seu sistema. Foram mais de 400 Km de faixas implantadas nos últimos quatro anos. Agora, o cenário indica para um investimento maciço em tecnologia com a provável concessão da gestão da bilhetagem eletrônica.

Inciativa Privada

Da iniciativa privada, os destaques ficarão por conta da presença diretor de Marketing e Relações Governamentais da BYD, Adalberto Maluf. A montadora chinesa tem ganhado destaque mundo a fora por conta dos seus modelos híbridos menos poluentes e mais confortáveis para os passageiros. A multinacional foi a primeira a produzir em larga escala um veículo totalmente elétrico de 12 metros e com uma bateria com longa autonomia. Também já iniciou a produção de articulados elétricos de 18,9 metros, modelos já testados nas ruas de cidades como São Paulo e Curitiba.

Carlos Silveira, presidente da RioCard, também participará do 7º Seminário de Mobilidade Urbana da Dataprom. A empresa é responsável pela emissão dos cartões transportes aceitos nos sistemas de BRT cariocas e tem mais de 3,8 milhões de cartões ativos. Ele apresentará o que tem de mais moderno em soluções de bilhetagem eletrônica, como tecnologias antifraude, a múltipla função em cartões e o uso de dados do cartão para melhorar a mobilidade das cidades.

Para amarrar essas duas pontas, a Dataprom convidou o advogado Felipe Braz. Advogado especialista em licitações e parcerias público-privada, Braz é coautor do livro Regulação e Novas Tecnologias, editado pela Editora Fórum, que trata dos conflitos e soluções jurídicos gerados a partir da introdução de novas tecnologias no serviço público, como a Bilhetagem Eletrônica no Transporte Coletivo.

Mais palestrantes

Também participarão do evento Fábio Filipini, sócio-fundador da Graphus — empresa que trabalha com projetos de eficiência energética; João Paulo Franqueto, gerente de Integração da Dataprom; Alexandre Zum, especialista em trânsito e diretor da Tranzum; e Algacir Mikalovski, coordenador-geral do núcleo em Pesquisa em Segurança Pública e Privada – NPSPP.

Serviço

Durante o simpósio serão ministradas palestras sobre os serviços e produtos desenvolvidos nos 28 anos de história da Dataprom na área de Mobilidade Urbana, Mobilidade Segura, Acessível e Sustentável, Sistemas de Integração, Centro de Controle Operacional, Controle Semafórico, Controle de Acesso, Gestão Administrativa de Trânsito e Transporte, Inserção de BRT na cidade, Segurança Viária e Eficiência Energética.

O 7º Seminário de Mobilidade Urbana da Dataprom ocorrerá entre os dias 10 e 11 de maio, no Jurerê Beach Village. O hotel fica na Alameda César Nascimento, 646, em Jurerê Internacional, Santa Catarina.